Grupos /Universidades sénior /Centros de dia /Escolas secundárias e/ou profissionais

Se faz parte de Grupo /Universidade Sénior /Centro de dia /Escola Secundária e/ou profissional e gostava de se juntar à Dress a Girl Portugal leia, por favor, as orientações abaixo descritas.

Caso concorde com as nossas condições pode contactar-nos através de mensagem na nossa página oficial de Facebook ou através da nossa página de contactos.

Orientações:

Os Grupos /Universidades sénior /Centros de dia /Escolas secundárias e/ou profissionais podem usar a marca Dress a Girl Portugal para promover eventos desde que com conhecimento da Dress a Girl Portugal

Os Grupos /Universidades sénior /Centros de dia /Escolas secundárias e/ou profissionais devem seguir as especificações quanto ao tecido:

  • deve ser 100% algodão
  • deve ser novo (não trabalhamos com tecido usado)
  • não deve ser branco, ou claro demais
  • não deve ser preto
  • não pode ser transparente
  • não pode ser fino e frágil

Os Grupos /Universidades sénior /Centros de dia /Escolas secundárias e/ou profissionais devem seguir as seguintes instruções:

  • serem responsáveis por organizar encontros de costura solidária
  • serem responsáveis por angariar o seu próprio material (máquinas, tecidos e aviamentos, cuecas, etc.), desde que fruto de doações em género
  • organizar kits para a confecção de vestidos e calções
  • verificar todos os vestidos e calções antes de os remeter à Dress a Girl Portugal (vestidos e calções que não respeitarem as especificações supracitadas e/ ou mal confeccionados serão encaminhados para outras instituições)
  • devem tornar o encontro de costura solidária um evento de bom convívio onde todos se sintam bem acolhidos.
  • devem conhecer a história do DAGATW e da Dress a Girl Portugal, sabendo responder às questões que lhe poderão colocar
  • alertar as voluntárias para a importância de os vestidos e calções serem bem confeccionados.
  • lembrar ás voluntárias de que o vestido ou calção que têm em mãos provavelmente será o primeiro vestido/ calção novo na vida de uma menina(o) e, por isso deve ser feito com dedicação e carinho

Todo e qualquer material de comunicação/ divulgação referente ao projecto, por exemplo fotografias, textos, entrevistas, publicação de documentos, notas, que sejam partilhados devem obrigatoriamente mencionar o nome do projecto, utilizando a "@" e os "hashtags" associados
Na eventualidade de desejarem criar uma página de Facebook do projecto Dress a Girl associado ao local do Grupos /Universidades sénior /Centros de dia /Escolas secundárias e/ou profissionais, o nome desta deve respeitar a seguinte regra: Grupo XXXXXX (local) - Dress a Girl Portugal.

Grupos /Universidades sénior /Centros de dia /Escolas secundárias e/ou profissionais, não podem:

  • Pedir donativos em dinheiro.
  • Pedir donativos às suas voluntárias. Pode, no entanto aceitar, se lhe forem oferecidos de livre e espontânea vontade, desde que se trate de material necessário à confecção dos vestidos: tecidos, linhas, elásticos, aplicações, fitas, máquinas de costura, etc. e cuequinhas.
  • Colocar qualquer outra etiqueta que não seja a etiqueta oficial do projecto Dress a girl Around the World, fornecida única e exclusivamente pela direcção da Dress a Girl Portugal
  • Responder directamente a qualquer entrevista, seja num canal televisivo, jornal, revista, ou outro veículo de comunicação sem autorização prévia por parte direcção da Dress a Girl Portugal.
  • Utilizar o logótipo da Dress a Girl around the world e Dress a Girl Portugal para produção de t-shirts ou qualquer outro produto. A direcção da Dress a Girl Portugal tem o direito exclusivo de utilização do logo para fins de merchandising.
  • Comercializar qualquer produto (bonecos, livros, vestidos, t-shirts, etc) com o objectivo de angariação de fundos em nome do Dress a Girl Portugal.
  • Entregar vestidos e calções directamente a uma instituição ou pessoa física para distribuição, antes do pedido desta ser avaliado. Toda a sua produção deve ser entregue à direcção da Dress a Girl Portugal que os redireccionará à medida que são necessários. Caso haja razão específica para tal será necessária uma autorização prévia por parte da Direcção.